COMO LIMPAR O NOME – UM GUIA BÁSICO PARA QUEM NÃO DESEJA TER PROBLEMAS NA SERASA E NO SPC

Todos nós estamos sujeitos a um acontecimento na vida que desequilibra nossa vida financeira: doença na família, desemprego repentino, calotes de patrões e cunhados para quem aceitamos ser fiadores. Isto não pode ser motivo para desânimo, vergonha, ou depressão profunda. Vergonhoso mesmo é nada fazer para reverter a situação, e as dicas para regularizar o nome são simples.

O primeiro passo é procurar o credor, expor a situação e persistir em um acordo para quitar a dívida: Educadamente, jamais aceite um não como resposta, ofereça propostas de parcelamento, solicite em desconto razoável e não perca de vista que o credor também tem interesse na solução da pendência, afinal, ele sabe que, se você se recusar a pagar, ele gastará muito dinheiro para lhe cobrar através do Judiciário, e corre o risco de nada receber, afinal, sabemos todos que “não se extrai sangue de beterraba.”

Caso a sua dívida seja um cheque que voltou duas vezes, ao quitar a pendência exija o cheque original do credor e o leve ao banco, acompanhado de uma carta (em duas vias, sendo que uma será protocolizada pelo gerente). Havendo dificuldade para elaborar a carta, peça o modelo para o gerente do banco.

Todavia, se a dívida é um título protestado, obtenha junto ao cartório uma certidão contendo os dados de quem o protestou, regularize a dívida exigindo do credor uma carta de quitação com firma reconhecida e retorne ao cartório requerendo a solicitação do cancelamento.

Além das dívidas acima, existem aquelas pendências financeiras ou bancárias que você poderá regularizar diretamente com o credor, que por sua vez ficará incumbido de efetuar sua baixa junto à SERASA e ao SPC.

Caso necessite de outras informações, a SERASA oferece um excelente serviço de orientação ao cidadão, em postos de atendimento espalhados por todo o país (você poderá obter o endereço mais próximo de tua residência através do telefone 11-68478946) ou através da INTERNET (www.serasa.com.br).

Mas, acima de todas estas coisas, não se esqueça de que nesta batalha pela regularização do nome, talvez você se depare com um profissional mal preparado, que o tratará com desprezo e displicência, mas não se deixe abater: certamente ele não foi corretamente instruído a enxergar em você uma pessoa que merece tanto respeito quanto o melhor amigo dele, pois é desta maneira que deve ser tratado nosso semelhante. Todo o seu esforço valerá a pena, afinal, já nos ensinava a velha Bíblia que “melhor é o bom nome do que as muitas riquezas”.

 

Ismael Cristo é advogado em São Paulo, Mestre em Direito pela PUC/SP e professor de Direito (Ismael@cristoconstantino.com.br)

CRISTO CONSTANTINO & ADVOGADOS ASSOCIADOS
ASSESSORIA JURÍDICA E EMPRESARIAL

R. Conde do Pinhal, 08, Cj. 101 – São Paulo – SP
Tel/Fax: (11) 3107-0908 – Nextel: (11) 7836-9689 ID: 54*16828
E-mail: contato@cristoconstantino.com.br / cristoconstantinoadv@hotmail.com

Imóveis na planta - Da concessão de tutela antecipada impedindo que as construtoras continuem a cobrar as parcelas do consumidor que pede a rescisão do contrato

Os noticiários diários anunciam a crise econômica no Brasil neste ano de 2015. Recessão, demissões, ajuste fiscal, corrupção, inflação, aumento dos juros e a estagnação da economia são os assuntos [more]

FUNCIONÁRIA DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO GANHA NA JUSTIÇA O DIREITO DE RECEBER O ADICIONAL DE QUALIFICAÇÃO

No ano de 2013, o Estado de São Paulo publicou a lei complementar 1.217/2013, que instituiu o plano de cargos e careiras dos servidores do Tribunal de Justiça de São Paulo, na qual estabeleceu no seu artigo [more]

Consumidora obtém liminar na justiça para não pagar por viagem realizada em cruzeiro

No último mês de fevereiro, o escritório foi procurado por uma cliente para que pudéssemos interceder junto ao Poder judiciário para reparar os danos que sofreu, já que sua primeira viagem internacional [more]

UM PASSEIO PELA HISTÓRIA DOS DIREITOS HUMANOS

Galbraith, um economista nascido no Canadá e muito respeitado em sua área, afirmava que na sociedade em que vivemos conhecimento é sinônimo de poder. Eu acredito que ele estava certíssimo, mas vou mais [more]

Compartilhe este texto nas redes sociais: